A Ageas e a Ordem dos Arquitectos

Tem dúvidas sobre o Protocolo? Leia algumas das perguntas mais frequentes para o ajudar.

1. Quem pode aderir aos seguros do protocolo?

As condições dos seguros deste protocolo são exclusivas para os membros efetivos da Ordem dos Arquitectos.
 
Em alguns produtos (multirriscos habitação, acidentes de trabalho - empregados domésticos, protec, protec 2r, vida e vitalplan) estas condições são extensivas aos seus familiares diretos.
São considerados familiares directos:
a) os cônjuges, desde que vivam em carácter de permanência, comunhão de mesa e habitação;
b) os filhos, desde que vivam em carácter de permanência, comunhão de mesa e habitação, mas somente enquanto solteiros e abrangidos pelo esquema oficial que regula a concessão do Abono de Família.

2. Como usufruir das condições deste protocolo?

Basta dirigir-se à Ageas ou contactar um Mediador e apresentar a sua cédula profissional (comprovativo de membro da ordem).

3. Quais as vantagens em subscrever os seguros deste protocolo?

Permite o acesso a um conjunto alargado de produtos e serviços exclusivos com condições muito atrativas.

4. Tenho seguros na Ageas, posso transferi-los para o protocolo?

Sim, pode transferir os seguros que tem na Ageas para o protocolo, com exceção do seguro de vida em que terá que subscrever nova apólice.

5. Existe alguma limitação de idade para usufruir das condições do protocolo?

Apenas existem limitações de idade nos seguros de vida e saúde.
 
No seguro de vida podem aderir os membros da ordem dos médicos com menos de 65 anos.
No seguro de saúde Vitalplan podem aderir os membros da caixa de previdência dos médicos com menos de 60 anos.

6. Onde se pode fazer os seguros referentes ao protocolo?

Basta contactar um Mediador Ageas ou dirigir-se ao Espaço Ageas mais próximo de si. Consulte a nossa rede comercial em: https://www.ageas.pt/pagina-pesquisa

7. Posso pagar os seguros por sistema de débitos diretos?

Sim, pode pagar os seguros através do sistema de débitos diretos e beneficia da isenção de pagamento de juros de fracionamento.